sábado, 25 de março de 2017

GG Review - X-Men: Gamemaster's Legacy (1994)

Olá pessoas,
Mais uma vez mandamos este mês outro game X-men, e hoje fechamos com muita luta a Saga do Game Gear com Gamemaster's Legacy, vamos lá!





Mesmo a Sala de Perigo da mansão Xavier está cheia de inimigos.


Ao que entendi da História foi mais ou menos assim: Um vírus chamado Legacy está atemorizando a Terra. Um homem misterioso chamado Gamemaster prometeu dar a Cura, mas ele é pouco confiável. Os X-Men foram aos locais combinados em troca da cura. Mas o Gamemaster, logicamente, também prometeu aos seus inimigos a cura em troca do pescoço de cada um deles. Então, sabemos que era uma armadilha.


Nem acredito, jogando com o Bispo??


O jogo seguiu um estilo da franquia. Você começa com 2 heróis, e pra aumentar o número precisa vencer as fases para desbloqueá-los. Seu numero de vidas é o numero de personagens adquiridos, então se todos morrerem é game over direto. É preciso pontuar tintim-por-tintim pra entender porque Gamemaster's Legacy é único.



Isso é a Vampira no GG???

GRÁFICOS E SONS
Aqui é algo impressionante. O primeiro game já tinha bons gráficos e para a infinidade de personagens, eram pequenos. Aqui conseguiram um tamanho maior, o mesmo de Mojo World.  Me encantou também os personagens corpulentos que mesmo tendo o mesmo tamanho transmitem a imagem de muito fortes.

Apesar de golpes com poucos frames (por isso deu pra enfiar tanto personagem) isso não tira a diversão e a beleza do jogo, abusando do recurso de cores do GG (no Hack feito pra SMS, percebemos fácil as cores que faltaram, como na fase Hellfire Club) principalmente nas cutscenes, desta vez, os personagens como Gambit e Vampira desenhados incrivelmente para um 8 bits. O que me irritou foi o Voo dos heróis, que no primeiro jogo tinham movimentos mais espontâneos. O preço deste abuso gráfico é o Som, cuja as trilhas sonoras são irritantes (no Options isso é confessado escrito "Bugging"!) por serem "Riffs" repetitivos apenas pra ambientar, o espaço no cartucho deve ter sido muito economizado. O mesmo com os sons que parecem iguais. Vemos que até mesmo alguns heróis e capangas como os mini-sentinelas foram "reciclados" em Mojo World.
    

ESTRELANDO BERRY E JACKMAN
O elemento de maior mérito de Gamemaster Legacy é o elenco de personagens. Acho adequado a seleção do primeiro game, mas deixou de fora alguns personagens queridos. Também o terceiro game só tinha 4 personagens populares. O interessante é que o equilíbrio dos personagens foi redefinido de novo. Vamos falar deles:

PERSONAGENS INICIAIS
CYCLOPS - O Azulão do olho laser é novamente o personagem inicial deste game. É o melhor visual da série. Tem ainda o Laser Óptico Direcionável e consegue abaixar de tiros. Mas, foi rebaixado a sua pior versão dos 3 games, pois ele é extremamente fraco, o Life dele vaza.   

TEMPESTADE (STORM) - Tempestade aparece agora com seu traje azul, bem mais bonita. Tem duas habilidades, o Voo e os Raios Elétricos. Tem agora o pulo duplo (como penei com Tempestade sem energia presa na água em Madripoor Stage!), mas eu acho um pouco vulnerável.



PERSONAGENS DESBLOQUEADOS

VAMPIRA (ROGUE) - Vampira está no clube dos melhores personagens, idêntica à versão do terceiro Game. Possui o Voo como Tempestade (acho que usaram o mesmo molde) porém com mais tempo, e possui super força e resistência, retendo mais dano que outros. Você a encontra no Hellfire Club.

WOLVERINE - Logan melhorou muito em relação ao primeiro jogo. Ele pode se abaixar de tiros como Cyclops. As garras melhoraram em gráfico e alcance. Três golpes de garra de Wolverine valem dois Lasers de Cyclops. O fator Cura também é rápido e mais eficiente que sua versão Mega Drive. É um dos melhores personagens. Você o encontra no Danger Room.



GAMBIT - Enfim, escalaram meu personagem preferido, o ladrão francês. Ele balanceia seus disparos com as cartas que não são controlados como Cyclops com golpes de bastão, então ainda tem uma vantagem quando seu Poder acaba. Outra vantagem é que Gambit é resistente, apanhei mais que Cyclops e Tempestade e venci chefes que eles não aguentaram. Você o encontra na Arctic Base.    

BISPO (BISHOP) - Nem acreditei quando vi Bispo, personagem das Sagas futuristas. Bispo é enorme (lembro da Sprite do Hulk) e resistente como Gambit. Quando ativa seu poder mutante, não só dispara sua pistola de plasma como ABSORVE ENERGIA do inimigo pra carregar!! É fantástico. Apenas não encha tudo. Isso torna o jogador BEM apelativo.  Você o encontra no Genosha

JEAN GREY - Outro personagem raro num Game X-Men. A eterna namorada de Cyclops aparece numa cutscene que não acho bonita, nem seu Sprite. Ela tem dois poderes, O voo e disparos psícocinéticos no inimigo (parecem as cartas de Gambit azuis), ou seja pouca diferença de Tempestade. Exceto por um fato empírico que tive, chefes que não venci com Tempestade, venci com Jean.  Pena que seu poder não é como o de Fabian Cortez, com poderes cinéticos ou levitação. Você encontra em Avalon.

PERSONAGEM SECRETO
CABLE - Como se bastasse o grande elenco, ainda temos Cable, personagem das sagas futuristas. Cable foi aprisionado no Egito por Apocalypse, caso o encontre não se arrependerá. Ele é bem forte, sua Resistência é muito grande e dispara Raios como Bispo. 


Até Jean Grey aparece com seus poderes psy.

DIAS DE UM FUTURO ESQUECIDO
Observamos dois pontos nesta seleção, somente 2 personagens não são atiradores, Wolverine e Vampira. Além disso, há 3 mulheres e todas elas voadoras (teria Psylocke de novo? Jubileu?). Inclusive Jean e Tempestade praticamente iguais. E todos possuem pulo duplo, não consigo imaginar Jean e Tempestade acrobatas, mas OK! Este Game  tem uma Engine próxima de Mojo World, mas não se engane. A dificuldade é muito alta até descobrir o X-Men certo pra cada Fase e decorar os trechos cabeludos, aí fica muuuito fácil.  Enquanto o terceiro game você já começa com Wolverine e Vampira, os melhores, neste aqui você começa com os piores! O poder mutante ficou mais necessário, pois 2  raios de Cyclops ou Tempestade venciam um inimigo que precisava de 5 socos, agora 8 socos são necessários. O Boss Battle é numa arena grande, diferente de Mojo World que você fica num cubículo. 
Se fizer um quadro entre as 3 versões, veja porque Gamemaster Legacy é a melhor versão:


X-MEN
X-MEN: 
Gamemaster Legacy
X-MEN: 
Mojo World
Cutscenes Irregulares
Personagens Pequenos
Cutscenes Adequadas
Personagens médios
Sem Cutscenes
Personagens médios
Som Ruim
Som médio fraco
Som médio fraco
7 Personagens, 3 mulheres. 1 personagem abaixo da media (Psylocke)
Compensaão de habilidades sem Pulo Duplo
Habilidades muito dierentes
7 Personagens, 3 mulheres. 2 personagens iguais (Tempestade e Jean). 1 personagem abaixo da media, mas não inútil (Cyclops). 1 personagem secreto (Cable)
Muitos personagens atiradores
6 Personagens, 2 mulheres. 2 personagem iguais e abaixo da media (Havok e Shard).
Habilidades com algumas variações
Dificuldade Mediana no início
Tem o Magneto, o Omega Red e Calistto
Dificuldade Difícil no início
Tem o Apocalypse e o Sinistro
Dificuldade Fácil no início
Tem o Magneto, mas muito fraco. Tem a Sentinela e o Mojo



CONTINUA...
Já sugeri neste quadro quais seriam os chefes para o game X-Men perfeito, faltaria a Spiral. E o elenco deste é quase ideal, mas eu trocaria os X-Men viajantes do tempo por serem muito apelões, por algum tradicional como Colossus ou Noturno, além de mudar os poderes de Jean. Bem que queríamos encerrar esta matéria, mas coisas foram surgindo e ficou irresistível não detonar este game, se tiver paciência se liga no próximo Post! Vamos falar também curiosidades sobre X-Men.



Nenhum comentário:

Postar um comentário